Festas típicas em Cubatao: Tradições, Devoções e Celebrações

cubatao festas tipícas

Sobretudo, Cubatão, uma cidade encantadora do Estado de São Paulo, é o lar de uma rica variedade de festas típicas que refletem sua cultura diversificada e suas profundas devoções religiosas. Contudo, neste artigo, exploraremos algumas das festas mais emblemáticas que atraem grandes contingentes de visitantes para a cidade. Em suma, prepare-se para uma jornada através de festivais, procissões, cultos e celebrações que enriquecem a vida de Cubatao.

Festa da Banana: Homenageando as Raízes

Acima de tudo, a Festa da Banana, realizada em março para celebrar o aniversário do bairro da Vila Nova, é uma celebração que remonta às origens do bairro, que era originalmente um bananal. Além disso, durante o evento, barracas alinham a principal avenida, das Nações Unidas, oferecendo uma variedade de quitutes preparados com a fruta homenageada. Contudo, os visitantes também podem desfrutar de espetáculos de música popular, mergulhando na história e na cultura do local.

Festa da Carne Seca: Uma Jornada Nordestina

Primordialmente, a Festa da Carne Seca, que celebra o aniversário do bairro Jardim Nova República em 25 de abril, é uma festa que existe desde 1999. Por exemplo, durante essa celebração, a carne-seca é preparada de várias maneiras e servida em barracas montadas nas ruas. Acompanhada por música típica nordestina, como forró e baião, a festa também inclui brincadeiras tradicionais e um concurso de culinária nordestina. Além disso, de comemorar o aniversário do bairro, essa festa promove a rica cultura nordestina que se estabeleceu na cidade durante a década de 1950, com a industrialização.

Festa de São Lázaro: Devoção que Persevera

Primeiramente, a Festa de São Lázaro, realizada em maio, revive uma antiga devoção dos moradores de Cubatao. Originalmente localizada ao lado do cemitério, a capela dedicada a São Lázaro era um ponto de referência significativo. Embora a capela tenha sido demolida, a festa continua a ser celebrada no Parque Anilinas, no centro da cidade, no último domingo de maio, mantendo viva essa devoção.

Festa de Nossa Senhora da Lapa: Uma Devoção Centenária

Sobretudo, Nossa Senhora da Lapa é a padroeira de Cubatao, com raízes que remontam ao século XVII. Ou seja, a devoção à padroeira começou em Portugal em 1948, e em Cubatão, tem sido uma parte vital da cultura há séculos. Contudo, a imagem da padroeira, moldada de barro ou terracota, é uma representação vívida da devoção que a cidade tem por Nossa Senhora da Lapa.

Por exemplo, o Carnaval é uma das festas mais populares em todo o Brasil, e em Cubatao, não é diferente. Os festejos começam com concursos para eleger a rainha do Carnaval e os melhores passistas. No sábado que antecede o Carnaval, acontece o Banho da Dona Doroti, uma tradição que remonta aos desfiles de blocos das décadas de 1940 e 1950 no Jardim Casqueiro. O ponto alto do Carnaval em Cubatão é o desfile oficial das escolas de samba, que encerra as festividades com grande pompa e alegria.

O Bloco dos Cabeçudos: Uma Tradição de Meio Século

Em suma, o famoso Bloco dos Cabeçudos, criado há mais de 50 anos na Vila Fabril da Companhia Santista de Papel, é uma parte intrínseca da história carnavalesca da cidade. Inspirado na Festa de Bom Jesus de Pirapora e nos imensos bonecos nordestinos, o Bloco dos Cabeçudos ofereceu muitos carnavais inesquecíveis. Hoje, é lembrado com orgulho pelos antigos moradores da cidade.

Festa do Siri: Sabores à Beira do Rio Casqueiro

No mês de julho, quando o Jardim Casqueiro comemora seu aniversário, acontece a Festa do Siri. Esta celebração oferece pratos deliciosos preparados com o crustáceo, além de apresentações de música popular que entretêm os visitantes ao longo do evento.

Festas Juninas: Um Arraial de Diversão

Nos meses de junho e julho, o Kartódromo Municipal se transforma em um animado arraial junino. Entidades beneficentes montam barracas vendendo comidas típicas, enquanto um parque de diversões e apresentações de quadrilhas mantêm o público entretido. É uma época de diversão e tradição para todos.

Festa da Emancipação da Cidade: Celebrando a Autonomia

Os festejos de aniversário da emancipação política de Cubatão ocorrem na semana de 9 de abril, quando os cubatenses decidiram pela separação de Santos em um plebiscito histórico. Durante a semana, inaugurações de obras públicas, solenes hastear de bandeiras e diversas atividades culturais enriquecem a celebração. Um dos destaques é o desfile cívico escolar, que conta com a participação de algumas das melhores bandas da região.

Semana da Pátria: Homenageando a Independência

Na semana do 7 de setembro, Cubatão comemora a independência do Brasil com inúmeras solenidades. O destaque é o desfile de alunos das escolas do município. Desde 2002, o Teatro do Kaos e a prefeitura produzem o espetáculo “Caminhos da Independência”, relembrando a passagem do então príncipe D. Pedro por Cubatão rumo a São Paulo, onde proclamou a independência do país.

Relogio Garmin Forerunner 55 Branco Monitor Cardíaco de Pulso com GPS

★★★★★
Amazon.com.br

  • Bluetooth
  • GPS

Monitor Cardíaco de Pulso com GPS Garmin Forerunner 55

★★★★★
Amazon.com.br

  • Monitor Cardíaco de Pulso com GPS
  • Marca: Garmin

Relogio Garmin Forerunner 55 Acqua Monitor Cardíaco de Pulso com GPS

★★★★★
Amazon.com.br

  • Bluetooth
  • GPS

Semana de Afonso Schmidt: Celebrando um Ilustre Filho

Na última semana de junho, Cubatão promove a Semana Afonso Schmidt, homenageando o ilustre jornalista e escritor nascido na cidade. Exposições, concursos literários e eventos artísticos destacam a importância desse notável filho da cidade.

Encenação da Passagem de D. Pedro I: Relembrando a História

Anualmente, no mês de setembro, Cubatão apresenta uma encenação ao ar livre da passagem de D. Pedro I pela cidade. Esse evento revela o papel crucial que Cubatão desempenhou nos últimos dias do Brasil-Colônia, quando o Príncipe Regente utilizou as acomodações locais e a Calçada do Lorena em sua jornada rumo ao Grito do Ipiranga. Atuam no evento atores consagrados no papel de D. Pedro I.

Encenação da Paixão de Cristo: Tradição Religiosa desde 1968

A encenação da Paixão de Cristo, realizada desde 1968, é uma das celebrações religiosas mais antigas da região. O evento ocorre no Bairro Costa e Silva, no Parque dos Trabalhadores, envolvendo cerca de 250 participantes, entre atores e figurantes. Essa representação ao ar livre da Paixão de Cristo é uma experiência emocionante que atrai fiéis e visitantes de toda a região.

Não perca a oportunidade de mergulhar na rica cultura e tradições de Cubatão, participando dessas festas típicas que refletem a identidade única desta cidade.

Conclusão

Cubatão é uma cidade que se orgulha de suas festas típicas, que são um reflexo de sua história, cultura e devoções. Ao longo do ano, essas celebrações atraem pessoas de todas as partes para participar de eventos que enriquecem a vida da cidade. Desde a Festa da Banana até a encenação da Paixão de Cristo, Cubatão oferece uma rica tapeçaria de experiências culturais e religiosas que não devem ser perdidas.

Perguntas Frequentes

Como posso participar das festas típicas em Cubatão?

Você pode participar das festas típicas de Cubatao verificando o calendário de eventos da cidade e planejando sua visita de acordo.

Qual é a festa mais antiga em Cubatao?

A encenação da Paixão de Cristo é uma das festas mais antigas da região, realizada desde 1968.

Onde posso encontrar comidas típicas durante as festas?

Durante as festas, você pode encontrar comidas típicas em barracas montadas nas ruas, que oferecem uma variedade de pratos tradicionais.

Quais são as principais atrações do Carnaval em Cubatao?

O Carnaval em Cubatão é marcado pelo desfile das escolas de samba, concursos e o Banho da Dona Doroti, uma tradição única.

Como posso aprender mais sobre a história de Cubatão durante as festas?

Muitas festas em Cubatão incluem exposições e encenações que destacam a história e a cultura da cidade, proporcionando oportunidades para aprender mais sobre sua história.

Aproveite essas festas para vivenciar a rica herança cultural e religiosa de Cubatão e fazer parte dessas celebrações emocionantes.

<strong>Adrianna Siqueira</strong>
Adrianna Siqueira

Adrianna é uma viajante ávida, apaixonada por explorar o mundo e compartilhar suas experiências através das palavras. Com um olhar curioso e uma sede insaciável por novas aventuras. Adrianna tem viajado pelos quatro cantos do planeta, descobrindo lugares exóticos e mergulhando em culturas diversas.